Noticias
Venda do Novo Mundo irá proporcionar a aplicação dos recursos em investimentos com maior rentabilidade

A expectativa da PREVHAB é efetuar a venda do Edifício Novo Mundo. “E quando isso acontecer, será que a quantia obtida irá ser dividida entre os participantes do Plano Plenus? ”  Entenda, a seguir.

O Edifício Novo Mundo, os fundos de renda fixa, os de renda variável, os investimentos em títulos públicos, os em Shoppings e os empréstimos aos participantes formam o patrimônio do Plano Plenus, que é responsável por garantir o pagamento vitalício dos benefícios.

Portanto, a venda do empreendimento não acrescentará um recurso extra ao patrimônio do Plano, uma vez que o prédio já faz parte dele. O que ocorrerá será a distribuição do produto da venda dentre as demais alternativas de investimento.

Em junho de 2019, o patrimônio do Plenus somava R$ 615 milhões. O recurso excedente ao comprometido com o pagamento dos benefícios é o que chamamos de superávit - que, naquele mês, equivalia a R$ 24 milhões, ou 3,9% do patrimônio. Somente quando o superávit ultrapassar 25% do patrimônio do Plano é que a quantia excedente poderá ser destinada aos participantes, nas condições previstas na legislação.

Apesar disso, a venda do Edifício Novo Mundo terá, desde logo, um efeito favorável na medida em que os recursos obtidos serão investidos em alternativas com maior rentabilidade, sem esmorecer com a segurança e a redução dos riscos.

Recentes

Outros

Rua da Glória, 306 - 10º e 11º andares - Glória
Rio de Janeiro - RJ / CEP 20241-180
Tel: (21) 2212-5700 / Fax: (21) 2212-5743
CNPJ: 42.174.631/0001-77